55 (47) 3241-0800

NOSSO BLOG

Todas as novidades em um só lugar

O mundo em 15 anos: tendências para o futuro

7 de fevereiro de 2020

Já parou para imaginar como será o mundo em 2035?

Mudanças constantes vêm revolucionando o presente e moldando o futuro. A Universidade de Oxford, por exemplo, aponta que 47% dos trabalhos serão substituídos por robôs num período de 16 anos. Na Índia, o segundo país mais populoso do mundo, um sistema de identificação digital biométrica cobrirá 90% da população em até cinco anos. Já no Reino Unido, um plano personalizado de estilo de vida, baseado em características genéticas, deve atingir a marca de um bilhão de consumidores no mesmo período de tempo.

Falar sobre o futuro com as empresas nem sempre é tarefa fácil. Por vezes, as companhias não gostam de encará-lo, já que isso pode significar deixar de lado seus atuais modelos de negócio para começar a fazer diferente. No entanto, entender as mudanças necessárias pode ajudar a direcionar tempo e dinheiro de forma assertiva no futuro.

Faith Popcorn, fundadora da consultoria BrainReserve, compartilhou com participantes de um evento promovido em Nova Iorque tendências futuristas que devem se tornar comuns em 2035. Segundo os estudos de Faith, esse futurismo representa um método de imaginar o que vem pela frente, podendo ser aplicado a marcas e negócios. Para ela, haverá cinco forças determinantes na sociedade, direcionadores das principais mudanças: epidemia de ansiedade, mistura de gêneros, N of 1 (hiper personalização), super humanos e lite life (vida mais leve).

O que o futuro nos reserva? Confira algumas das principais mudanças previstas para 2035, baseadas em diferentes estudos:

1 – Mudanças demográficas


A expectativa é que, até 2030, a população mundial alcance o número de 8,5 bilhões de habitantes. Segundo a aposta, nove países serão responsáveis por mais da metade desse crescimento: Índia, Nigéria, Paquistão, República Democrática do Congo, Etiópia, Tanzânia, Indonésia, Egito e Estados Unidos. Em 2027, espera-se que a Índia desbanque a China e se torne o país mais populoso do mundo.

2 – Urbanização

Nos países em desenvolvimento, a população urbana deve dobrar, de modo que as cidades produzirão 80% do PIB global. Pequenas e médias cidades serão os grandes centros urbanos em crescimento, as quais já representam hoje 59% da população urbana mundial.

3 – Transparência

O mundo será um local cada vez menos privado para seus habitantes. A quantidade de informações coletadas sobre os indivíduos a partir de produtos e empresas crescerá de forma expressiva. Além disso, novas ferramentas de análise de informação facilitarão a tomada de decisões nos negócios.


4 – Crise climática

Com a intensificação das mudanças climáticas, as consequências terão impacto direto sobre a humanidade. Problemas como ecossistemas prejudicados, espécies animais em risco de extinção, secas, inundações e migrações em massa são esperados como realidade num futuro próximo. Por isso, investimentos e propósitos fundamentados na sustentabilidade devem estar cada vez mais na pauta das companhias.

5 – Tecnologia

Até 2035, tecnologias como inteligência artificial levarão praticidade e produtividade às pessoas. A partir da automação inteligente, veremos inovação de produtos, processos e modelos de negócio. Porém, ao mesmo tempo em que novas portas serão abertas no mercado de trabalho, empregos também serão substituídos por robôs.

Em vista das mudanças esperadas, tomar decisões em prol da sustentabilidade, considerar a importância do aspecto humano nos negócios e no seu valor para as pessoas e ser transparente com clientes são ações que farão as empresas caminharem no mesmo sentido do futuro. O que já começou a mudar hoje não pode começar a ser discutido daqui 15 anos. Afinal, o futuro do mundo já começou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *